Falar em sortimento é mostrar o quanto a variedade do mix de produtos abre os horizontes para um maior público consumidor e pode impactar diretamente no faturamento do varejista.

Em tempos de novas tecnologias e concorrência acirrada, o investimento em um mix diversificado de produtos pode ser o grande diferencial para o negócio. Porém, isso só irá ocorrer se respeitadas algumas dicas que a Revista Vitrine do Varejo mostra nos tópicos abaixo.

Conhecendo o cliente

Para quem eu vendo? O primeiro passo para o sortimento assertivo é definir as metas de venda levando em consideração o perfil do cliente. É preciso entender as classes sociais e quais itens estão tendo maior saída ou procura, seja em relação a marcas ou preços. Após essas definições fica fácil entender quais produtos vão assegurar maior rentabilidade para a loja. E não se esqueça: ter apenas o mix “boi de piranha”, itens mais vendidos no mercado, dificulta a rentabilidade, pois são os de maior briga de preço.

Mix de Produtos
Mix de Produtos

Conhecendo o mercado

Quais são as categorias em alta? Esteja sempre atento às novidades do mercado e aos produtos que estão sendo lançados. Os indicadores do varejo também são ótimos termômetros para ajudar a definir o sortimento do mix. Segundo panorama apresentado pela GfK, empresa mundial de estudos de mercado, as categorias com maior crescimento foram as inovações tecnológicas.

O mesmo vale para as datas sazonais. Com o Dia dos Pais se aproximando, opte por uma variedade cujos produtos agradem o público e saem com mais facilidade nessa época como é o caso de barbeadores, cortadores de cabelo e smartphones, por exemplo. Cresça os olhos também para os notebooks que merecem exposição de destaque na loja.

Surpreendendo o consumidor

O que o meu concorrente está vendendo? Procure saber o que os concorrentes diretos estão comercializando e inove para fidelizar a clientela e atrair novos públicos. O sortimento deve surpreender o consumidor, oferecendo itens diferenciados ou ainda mais inovadores que “a loja do lado” não tenha. Se ele entra para comparar preços e encontra melhores opções no mix, as chances de efetuar a compra serão grandes.

Diálogo frequente

O que o meu fornecedor indica? Outra maneira para um sortimento eficaz é manter frequente diálogo com fornecedores diretos, adquirindo informações sobre lançamentos, produtos em crescimento e que cabem maior destaque no mix. Fortaleça seu relacionamento com o Vendedor do Martins, por exemplo, que tem sempre em mãos os lançamentos semanais do segmento.

Definindo estratégias

Como dispor meu mix? Depois de ter em mente toda a perspectiva para o mix é hora de alinhar as estratégias para que o sortimento atenda as necessidades dos diferentes consumidores. A seleção das mercadorias é uma das estratégias que mais oferece resultado positivo nas vendas. Considere o posicionamento dos produtos, quais são destaques para o consumidor e que ajudam a fidelizá-lo.  

Uma forma de traçar essas definições é analisando o lucro bruto dos itens que compõem as categorias. Dessa forma será possível saber quais devem continuar à mostra e os que apresentarem menor lucratividade podem ser retirados. Mas certifique-se se aquele determinado produto não continua atendendo a um público específico.

Lembre-se que estar atento às novidades para investir na diversidade e disponibilidade de produtos são bons indicadores para atrair novos consumidores, aumentando as vendas. Um exemplo disso é a alta nas vendas de TVs nos últimos anos. Um estudo apresentado pela GfK, no ano passado, mostrou que um dos maiores estímulos para a categoria é o mercado oferecer várias opções de modelos para atender todas as demandas.

Ainda segundo a GfK, o brasileiro tem investido cada vez mais em televisores, principalmente nas Smart TVs. Outro dado relevante é que cerca de 77% das pessoas que compraram uma Smart TV nos últimos dois anos optaram por um equipamento com 40 polegadas ou mais.

Conteúdo Relacionado

Note-10-Smasung
TEI

NOTE 10: experiência de cinema na palma da mão

29.outubro

Esqueça tudo o que você conhece em performance de smartphone até aqui. Agora se permita vivenciar uma experiência única com os novos Galaxy Note10 e Note10+ que foram projetados para se assemelharem ao desempenho de um computador, mas com todos os comandos na palma das mãos. Jogue, grave e edite vídeos profissionalmente e ainda conte […]

impressoras
TEI

De olho no mercado: o crescimento para PCs e impressoras

19.julho

  O mercado de PCs e itens para impressão vem demonstrando sinais de estabilidade, mas indica crescimento sutil até o final do ano. Segundo as previsões da IDC Brasil, o cenário para os próximos meses não deve sofrer mudanças significativas e a estimativa é de crescimento de 1%, com vendas de 5,6 milhões de unidades […]

impressoras
TEI

Vendas de impressoras aumentam 4,7%

20.junho

  A estimativa do mercado brasileiro de impressoras é de 4,7% a mais neste ano conforme as previsões da IDC Brasil. Mesmo diante das expectativas com a transição de um novo governo e com a probabilidade de grandes empresas investirem até o final de 2019 no país, o crescimento ainda é tímido. “Com a aprovação […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *