A época de festas típicas de São João, Santo Antônio e São Pedro já começou e com ele vem a oportunidade do varejo dar um salto nas vendas. Em algumas localidades brasileiras, as festas juninas se estendem até julho e agosto. Por isso, é preciso que a loja esteja preparada para atender a clientela, especialmente com os produtos típicos do período junino.

O setor de supermercados deve compor o mix com itens como amendoim, caldo, canjica, chá, milho de pipoca, doces em geral, paçoca, pé de moleque, fubá e vinhos. Outros complementos sazonais como batata palha, chocolates, carnes, coco ralado e leite de coco também precisam estar estocados porque são puxados pelo consumo dos produtos típicos.

Em virtude das festas e quermesses, descartáveis como copos, pratos, talheres e guardanapos têm muita saída durante o período. No segmento de não alimentos ainda se destacam as categorias de creme para tratamento aos cabelos, curativos, hidratantes e pilhas.

 

Decoração e produtos que são destaque no período junino:

A decoração da loja precisa ser atrativa para atrair os clientes. Entrar no clima de São João com bandeirinhas, balões e outros adereços relacionados ao tema facilita bastante para chamar os clientes para dentro da loja. Se possível, caracterize o uniforme dos colaboradores com xadrez e chapéus para garantir o clima junino e estimular a venda dos produtos típicos.

É importante destacar estações dos produtos juninos deixando-os em evidência no ponto de venda. Os produtos secundários da sazão também podem ser evidenciados nas gôndolas e até mesmo na entrada da loja ou próximos aos caixas.

 

Recurso de geolocalização ajuda nas vendas, saiba como

Novo perfil do consumidor brasileiro não perde uma promoção

 

Promoções e redes sociais:

Uma boa dica para estimular as vendas é também realizar promoções e ações especiais ao público. Muitos varejistas já têm o costume de personalizar essas campanhas promocionais com sátiras à festa como “pescaria de descontos” e “fogueira de brindes”. É possível ainda ofertar atividades ao público infantil enquanto os pais efetuam as compras dentro da loja. O oferecimento de pipoca grátis e algodão doce, por exemplo, pode ser uma ótima sacada!

Além disso, as redes sociais podem ser ótimas ferramentas para divulgar as ofertas do período e ações promocionais. Para aumentar ainda mais o engajamento, conteúdos com receitas e curiosidades das festas também atraem bons olhares para marca.

Conteúdo Relacionado

Dia das crianças
Varejo Alimentar

Dia das Crianças: É hora de preparar a loja, como está a sua?

04.setembro

Existe sensação melhor que a de esperar pelas vendas de uma data importante com sua loja totalmente preparada? O mês de outubro já bate à porta e com ele chega o Dia das Crianças, uma das datas sazonais mais expressivas para as vendas durante o segundo semestre. Mas se você ainda não está em dia, […]

setor supermercadista
Varejo Alimentar

Setor supermercadista: O que pensam consumidores e varejistas sobre ele?

18.junho

  A pesquisa “Tendências do Consumidor em Supermercados 2018/2019”, encomendada pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) e realizada pela empresa IBOPE Inteligência mostrou uma versão atualizada do perfil de consumo omnichannel, além do que pensam os varejistas sobre o futuro do setor.   Consta no estudo que 46% dos consumidores consideram como muito importante em […]

geolocalização
Varejo Alimentar

Recurso de geolocalização ajuda nas vendas, saiba como

28.maio

  Já se deparou com alguma propaganda nos canais digitais e até por meio impresso que parecem tão específicas para você enquanto consumidor? Seja um produto que esteja procurando ou alguma categoria do interesse, nunca pareceu tão personalizada a oferta não é mesmo? Isso é o que os varejistas à frente do mercado estão fazendo […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *