Os varejistas agora passam a contar com uma ferramenta eficiente para saber como o consumidor está se portando nas plataformas online. O Google lançou no Brasil uma página que revela as principais tendências de consumo do varejo brasileiro.

A plataforma fornece relatórios para o setor sobre as principais buscas de produtos e compartilha insights que auxiliam os empreendedores sobre o consumo no país, as tendências de mercado e as boas práticas para o varejo.

De acordo com um estudo da multinacional, realizado pelo instituto de pesquisa Ipsos, 40% dos consumidores fizeram compras online em lojas e de varejistas que não compravam antes da pandemia. Outra identificação foi a de que um em cada cinco consumidores brasileiros está experimentando marcas que normalmente não tinham o costume de comprar.

Por isso, é preciso estar atento a tudo o que o público-alvo de cada região procura para abastecer a loja e proceder com as vendas, seja delivery, online ou presencialmente.

A página Categorias em ascensão no varejo informa logo na descrição que o comportamento das pessoas está mudando rapidamente e de modo imprevisível em meio à pandemia do coronavírus. Usar essa ferramenta interativa pode ajudar a entender as categorias do varejo que estão despertando mais interesse na pesquisa do Google.

Com a ferramenta de busca do Google, é possível detectar os locais em que essas categorias têm maior abrangência e quais as consultas associadas a elas. Ainda segundo as informações, os dados são atualizados diariamente de acordo com as mudanças de interesse observadas na pesquisa.

No último mês, foi percebido um crescimento em diversas categorias destacando os materiais para construção, eletroportáteis em geral e utensílios domésticos.

Entre os destaques nas buscas do Google estão aquecedores portáteis (300%), guardanapos decorativos (100%), aquecedores de água (80%), latas e caixas para presente (80%), colheres de pedreiro (60%), secadores de cabelo (50%), furadeiras elétricas (40%), peças e ferragem para encanamento, serras tico-tico, interruptores de luz e refletores, velas para bolo, porta-copos, etc.

A pesquisa completa pode ser acessada pelo link da página da ferramenta do Google, por onde também é possível se cadastrar para receber os insights da ferramenta em tempo real.

Outros serviços do Google

Aqui mesmo no Portal Vitrine do Varejo já falamos das vantagens de utilizar a plataforma gratuita Meu Negócio para alcançar ainda mais consumidores que buscam informações por meio do Google.

Mas também existem outros serviços oferecidos pela empresa, como o G Suite que disponibiliza vários recursos, como Gmail, Google Agenda, Drive, Docs, Planilhas, entre outros, além de personalização do domínio do cliente. Outros componentes são vendidos separadamente.

O Google identificou um tráfego de usuários do GSuite 25 vezes maior em abril em comparação a janeiro, muito causado pela pandemia e o isolamento social imposto por algumas cidades, fazendo com que muitos trabalhadores atuem no formato home office e utilizem a ferramenta.

São oferecidos três tipos de pacotes com preços a partir de R$ 24,30 o mais básico. Mesmo sendo um serviço pago, foram mais de 6 milhões de usuários ativos em todo mundo. Os novos clientes têm 14 dias de testes grátis.

E tem mais. Como estratégia para atrair novos clientes pagos, o Google tem liberado alguns recursos que geralmente são cobrados, como o Meet que permite videochamadas com até 250 pessoas e está disponível para uso de forma gratuita até 30 de setembro.

Leia também:

Selic: como aproveitar a baixa da taxa
Comportamento do consumidor: novas formas de compras e de consumo

Conteúdo Relacionado

vendas online
Varejo Alimentar

Vendas online devem crescer o superior a 25% em 2021; oportunidade para o seu negócio

29.dezembro

Se houve um segmento que se beneficiou bastante em tempos críticos foi o varejo online, as vendas online. A pandemia acabou impulsionando hábitos de consumo que já eram uma tendência para o setor. Mas que se consolidou também entre públicos que antes não tinham tanta aptidão para fazer as compras virtualmente. Neste cenário, a expectativa […]

vinhos
Varejo Alimentar

Vinhos: cresce consumo na pandemia e marcas nacionais são impulsionadas

06.agosto

O consumo de vinhos durante os primeiros meses da pandemia mostra que o mercado passa por um crescimento exponencial. Assim, tem impulsionado, especialmente, o setor produtivo do Brasil. Marcas nacionais em evidência e varejo vendendo bem é o “casamento” ideal para os lojistas explorarem a categoria em tempos de crise. O consumo da bebida alcoólica […]

Shoploop
News

Shoploop: nova plataforma do Google para estimular compras através de vídeos

31.julho

Aproveitando o momento em que a internet pulveriza a interação social por vídeos, o Google lançou o Shoploop. A plataforma vai unir o recurso com uma melhor vivência de compra aos consumidores. A plataforma de e-commerce permite às marcas e influencer digitais gravarem vídeos para disseminar informações e experimentação dos produtos disponíveis. A partir disso, […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *