Lidar com o termo marketing pode ser a fobia de muitos lojistas. Mas na prática não é tão difícil quanto possa parecer. O varejo possibilita uma série de estratégias de marketing que ajudam a alcançar grande parte dos objetivos estimados pela loja.

Os benefícios do investimento em marketing, e esse investimento nem sempre precisa ser financeiro, são inumeráveis. É possível aumentar as vendas, captar novos clientes e outros públicos que talvez não eram alcançados pelo estabelecimento.

Estratégias de marketing ajudam ainda a consolidar a marca da loja e associá-la a uma imagem positiva perante os consumidores. Além disso, promover a fidelização do cliente. Agora veja abaixo 4 dicas importantes de marketing no varejo.

1 – Atraindo clientes para a loja

Entras as estratégias de marketing, uma deve ser pautada no sentido de atrair mais clientes para a loja. O varejista deve se questionar sobre alguns pontos como: o que o meu consumidor procura? Ele vai encontrar na minha loja? Como eu consigo mostrar que posso atender as necessidades dele?

Esse “start” pode ser feito com o anúncio de ofertas em redes sociais, produtos exclusivos na loja física, aproveitamento de datas comemorativas para fazer ações promocionais especialmente com os itens da época.

2- Conhecer mais o perfil de consumo

Para aumentar essa atração de clientes para a loja é preciso conhecê-los, sobretudo, é preciso conhecer o mercado de atuação. As pesquisas e análise de metas são algumas ferramentas fundamentais para esse processo. Com base nos dados coletados, o lojista consegue ter uma nitidez cada vez melhor de quem é seu cliente e o que ele procura.

Importante ainda saber qual o período de melhor faturamento, quais as minhas principais categorias. Além disso, meu cliente vai com maior frequência em quais dias da semana? E qual o perfil da equipe de vendas que eu preciso para atender esses públicos?

3 – Seja relevante no seu nicho

Traçar boas estratégias de marketing também está relacionado ao posicionamento da marca, desde o layout à estrutura física. Mais do que ser uma referência e se sobressair à concorrência, a loja deve estar em harmonia com a comunidade em que se está localizada.

Fazer parcerias com lojistas próximos ou até segmentos correlacionados ao da loja é importante para fortalecer o negócio, bem como para receber boas recomendações para que os outros clientes também frequentem o estabelecimento. Esse é só mais um diferencial de todo varejista que entende que a divulgação orgânica, ou o famoso “boca a boca”, pode funcionar bem.

4 – Esteja online

Estar cada vez mais presente nos canais digitais já era visto como uma questão de sobrevivência para o varejo. Esse cenário agora se acentua levando em consideração que o consumidor está ainda mais conectado tendo em vista as recomendações das autoridades para o isolamento social devido à Covid-19.

Divulgar a lojas nas redes sociais, manter o atendimento com o cliente via redes ou aplicativos como o próprio WhatsApp devem ser medidas inseridas na rotina da empresa. Lembre-se que o consumidor, antes mesmo de comprar o produto, já o pesquisou na internet e também buscou informações sobre a loja.

As boas aparências precisam ser externas ao ponto de venda e ficar evidentes também nos meios virtuais. Reforçamos que agências e profissionais de marketing digital conseguem atingir os variados públicos de interesse com ferramentas diversas disponíveis no mercado.

5 – Invista em eventos

Uma das maneiras de atrair pessoas para dentro da sua loja é promovendo eventos. Claro que essa ação só poderá ser realizada com o fim do isolamento social devido à Covid-19. Mas já vá pensando nisso.

Que tal fazer cursos semanais na sua loja? Nada cansativo e de longa duração, pois as pessoas podem não ter tanto tempo à disposição. Além disso, pensando em algo maior, que tal fazer um evento para a família? Assim você leva muita gente para a sua loja e com isso marca sua presença na mente desse público que terá mais fidelidade com a sua loja, com a sua marca.

Pense nas dicas e as coloque-as em prática. O varejo se reinventa todos os dias. Quanto mais você se movimentar, maiores serão as chances de tornar a sua loja referência diante dos concorrentes, além de melhoras os seus resultados!

Leia também:

Varejo alimentar se sobressai em meio à crise
Vinhos: cresce consumo na pandemia e marcas nacionais são impulsionadas

Conteúdo Relacionado

loja-fisica-varejo
Varejo Alimentar

Loja física segue na preferência do consumidor

14.janeiro

É visível que o varejo online se despontou durante a pandemia. E conquistou novos públicos que adiavam esse contato direto com a tecnologia e com a modalidade de compra. Acontece que o consumidor não abriu mão da loja física, que continua caindo na preferência de mais da metade dos brasileiros. O levantamento Consumer Insights, feito […]

vendas online
Varejo Alimentar

Vendas online devem crescer o superior a 25% em 2021; oportunidade para o seu negócio

29.dezembro

Se houve um segmento que se beneficiou bastante em tempos críticos foi o varejo online, as vendas online. A pandemia acabou impulsionando hábitos de consumo que já eram uma tendência para o setor. Mas que se consolidou também entre públicos que antes não tinham tanta aptidão para fazer as compras virtualmente. Neste cenário, a expectativa […]

ruptura
Varejo Alimentar

Varejo reduz produtos e barra ruptura

09.dezembro

O varejo está reduzindo a quantidade de produtos e categorias nas lojas com o intuito de evitar ruptura. Foi o que mostrou uma análise da Nielsen comparando os principais canais do setor neste ano em relação a 2020. De acordo com o estudo, mais de centenas de categorias apresentaram redução na quantidade de itens nas […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *